Documentário sobre a 3ª Semana Ousada de Artes

Loading...

15 de nov de 2010

Trailler de A Antropóloga, de Zeca Pires

Trailer: http://www.youtube.com/watch?v=2y1n4gGswGU

FITO- Festival deTeatro de Objetos


Festival Internacional de Teatro de Objetos





Espetáculo francês 20 Minutos Sob o Mar da companhia Théâtre de Cuisine.

Fotos Marco Vasques

6 de nov de 2010

A volta de Ulysses

Meu querido cineasta Zeca Pires:

Bem-vindo à sua ilha! Imagino que você já deva ter-se banhado nas águas do nosso lindo Campeche, depois do tão merecido reconhecimento na Mostra de Cinema de Sao Paulo. com casas cheias e aplausos entusiasmados do público.
Estive ontem na abertura do 17 Açor e falei novamente de você e de como a cultura açoriana foi a base de uma obra- prima que é A Antropóloga.
Para quem, como eu, acompanhou sua luta, ao menos nos últimos e decisivos momentos deste longos 8 anos, você volta à ilha como Ulysses: cansado, mas vitorioso.
Enfim, Santa Catarina deve- se orgulhar por ter dado origem a um cineasta tão talentoso.
Parabéns!
Dudi

27 de set de 2010

Ou tras Ousadias da Semana Ousada

Anestesia de Fabio Salvatti

http://www.youtube.com/watch?v=1OTn0ao-Apg&feature=related

Semana muito ousada


Estudante de Artes Cênicas é detido após fazer performance pelado em evento artístico na UFSC
Um estudante de Artes Cênicas foi detido no início da tarde desta quarta-feira após fazer uma performance nu em frente ao restaurante da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), em Florianópolis.

Os seguranças do Campus retiraram Roberto Chaves de cena por considerar o ato obsceno e o levaram para a 5ª DP, no bairro Trindade. Ele vai responder a um termo circunstanciado e deve comparecer à audiência do juizado especial criminal no dia 11 de outubro

Depois de cerca de quatro horas, ao som da escaleta e o burburinho dos colegas que esperavam em frente à delegacia, o estudante foi liberado, desta vez vestido, com uma bandeira do Brasil nas costas.

Tranquilo, o estudante disse que não houve agressão física por parte dos seguranças, mas teve violência verbal. Segundo ele, o centro da peça não era a nudez, mas a discussão da noção de brasilidade, uma referência à antropofagia oswaldiana (movimento modernista da década de 1920 que propôs a 'descolonização' da cultura brasileira).

— O nu é milenar, é natural. É preciso rever a constituição e discutir um projeto de lei para que as pessoas possam se expressar-se livremente — completa.

A encenação faz parte da programação da Semana Ousada de Arte, uma parceria da UFSC e Universidade do Estado de Santa Catarina( UDESC).

Liberdade de expressão

A ideia também é defendida por Maria de Lourdes Borges, Secretaria de cultura e Arte da UFSC e coordenadora da Semana Ousada de Arte:

— A nudez é absolutamente natural na vida e na arte, mas continua um grande tabu. A performance tinha proposta de ser provocativa, mas foi considera excessiva. Levar o estudante para a delegacia foi uma ação equivocada, que fere a liberdade de expressão. Eles não poderiam ter tomado esta atitude sem acionar a coordenação do curso —afirma. 


Para o professor de performance Rodrigo Garcez, os seguranças e a universidade não estavam preparados para a ousadia, mesmo tendo duas disciplinas de performance na grade curricular.

Mesmo a contragosto, até os seguranças fizeram parte da intervenção artística, ao receberam flores quando abordaram o estudante. Após receber uma ligação avisando que havia "uma pessoa circulando sem roupa", eles foram até o local e pediram para o rapaz se vestir. Ele teria se enrolado em uma bandeira do Brasil, mas poucos minutos depois, ficou pelado novamente.

— Não sabíamos do conteúdo da peça. Se a universidade tivesse informado que teria algum tipo de contravenção, teríamos proibido a ação. Os professores não deveriam deixar seus alunos expostos ao ridículo. Todos devem saber o que está na constituição e respeitá-la — finalizou Douglas Dilli, chefe de segurança da UFSC.

15 de set de 2010

O que aconteceu no Festival de música da UFSC

Dazaranha

http://www.youtube.com/watch?v=ySsQDerwJ6E&feature=related

8 de abr de 2010

O pensamento no século XXI- Mme Meffre

Café Filosófico 2

CAFÉ FILOSÓFICO TRAZ LORENZ PUNTEL PARA DEBATER O HUMANO

Encontro na UFSC com grande filósofo alemão reúne pensadores para refletir sobre a questão: O que é o ser humano?

O segundo encontro do Projeto Café Filosófico deste ano traz o professor e filósofo alemão Lorenz Bruno Puntel para proferir uma conferência sobre o conceito de ser humano, no dia 13 de abril (terça), às 19 horas, no auditório do Centro de Ciências da Educação da UFSC. Realizado desde 2009 pela Secretaria de Cultura e Arte com apoio da Pós-Graduação em Filosofia e Núcleo de Investigações Metafísicas, o Café Filosófico promove o encontro mensal de estudantes, professores e pesquisadores com grandes filósofos da contemporaneidade para a discussão de temas atuais e emergentes.

Autor de vasta bibliografia filosófica, o professor fará sua palestra em torno do questionamento: “O que é o ser humano? Problemas, perspectivas e esboço de uma resposta filosófica básica”. Apostando na idéia de que raciocínio e cafeína formam uma prodigiosa mistura, a conferência encerra tradicionalmente com uma mesa de café em alusão aos bistrôs europeus como locais prediletos de discussão e efusão intelectual, segundo esclarece a secretária de Cultura e Arte, Maria de Lourdes Borges.

Em sua segunda visita à UFSC, Puntel, fará ainda duas exposições integrantes de um mini-curso sobre sua obra, promovido pelo Departamento de Filosofia. No dia 12, o tema será Linguagem, teoria e conceitos filosóficos e no dia 13, Estruturas formais, Semântica e Ontologia, ambas às 14h30min, no mini-auditório do Centro de Ciências Filosóficas e Humanas. Nesses seminários, Puntel apresentará as principais teses de seu último livro Estrutura e Ser, segundo o professor Celso Braida, chefe do Departamento, que também proferiu palestra no dia 6, dentro do mesmo mini-curso.

Nascido em 1935, na Alemanha, Lorenz Bruno Puntel estudou Filosofia, Psicologia, Filologia Clássica e Teologia em Munique, Viena, Paris, Roma e Innsbruck. Tem contribuído muito com o pensamento filosófico no Brasil vindo seguidamente ao país proferir cursos e conferências. De 1978 a 2000 foi professor titular do Instituto de Filosofia da Universidade de Munique, da qual hoje é professor emérito.

Doutor em Filosofia desde 1968 e em Teologia desde 1969, escreveu, entre outras obras: Analogia e historicidade (1969); Apresentação, método e estrutura. Investigações sobre a unidade da filosofia sistemática de G.W.F. Hegel (1973); Teorias da verdade na filosofia recente: uma apresentação sistemático-crítica (1978); Fundamentos de uma teoria da verdade (1990) e Estrutura e ser (2006).

9 de mar de 2010

Secarte programação 50 anos UFSC

Março:

18
O pensamento no século XXI (SECARTE/PRPG)
Emanuele Coccia
Auditório da Reitoria da UFSC

27
Itaú Cultural- Projeto Rumos / DAC
Música
Teatro UFSC

30 março a 30 de abril
Exposição Levi Strauss (MU/CFH)


31 março a 2 de Abril
Seminário Cidades Fortificadas
Auditório da Reitoria

Abril:

13
O pensamento no século XXI-Auditório da Reitoria da UFSC
Lilianne Meffre

Final de abril (data a confirmar)
ARTEMOV (vídeos e debate)


Maio:

4 e 5
O pensamento no século XXI-Auditório da Reitoria da UFSC
Cris Dumm

17 a 21
Foto Floripa

19
Show Fernanda Takae
Centro de Cultura e Eventos

Junho:

7
O pensamento no século XXI-Auditório da Reitoria da UFSC
Edgardo Cozarinski-

12 a 18
FAM

21 a 25
FITA

29 e 30
O pensamento no século XXI-Auditório da Reitoria da UFSC
Alan Pauls-

Agosto:

10
O pensamento no século XXI-Auditório da Reitoria da UFSC
Goncalo Carvalho-


Data a confirmar
Exposição Franklin Cascaes
Galeria de Arte da UFSC

20 a 22
Festival de Música

Setembro

9
O pensamento no século XXI-Auditório da Reitoria da UFSC
Paulo Herkenhoff-

20 a 24
III Semana Ousada de Artes

Outubro

8
O pensamento no século XXI-Auditório da Reitoria da UFSC
Hal Forster
Centro de Cultura e Eventos

13
Maratona Fotográfica

13 a 15
Exposição dos três grupos indígenas: Guarani, Kaigang e Xokleng
Hall da Reitoria

Novembro

8 e 9
O pensamento no século XXI-Auditório da Reitoria da UFSC
Mario Perniola

Lançamento do documentário UFSC




Projetos contínuos:

Café filosófico- encontros mensais
Bodas de cena- apresentações de teatro de grupos catarinenses, do DAC e Artes Cênicas

3 de fev de 2010

SECARTE 2010

Encontro das Cidades fortificadas
4° FITA
FAM (apoio SeCArte) I
Festival de Música
III Semana Ousada de Arte
O Pensamento no Século XXI: palestras mensais de grandes intelectuais da atualidade, em parceria com a PRPG.
Música no Centro: apresentações do Coral, Madrigal e Orquestra de Câmara da UFSC nos Centros de Ensino e no HU
Cinema e Filosofia : discussao de filmes através da filosofia
Grandes Diretores: ciclos sobre os grandes diretores de cinema
Café Filosófico: encontros mensais com filósofos para a discussao de temas atuais
!2: 30: shows musicas as quartas feiras em frente ao CCE
Galeria de arte
Oficinas de arte no DAC
Oficinas de artesanato no Dceven